Histórias do Ivan

Bilhete

Bilhete

Amigos, “Bilhete” foi composta em dezembro de 1979, em Teresópolis, em nossa ex-casa, no Ingá. Eu e meu letrista e amigo Vitor já estávamos tentando fazer uma canção fazia dias e nada. O clima começou a ficar desagradável. Começamos a nos estranhar. Eis que nossa empregada, Dona Carmelita, reparando a situação, veio a nós e […]

Lembra de mim

Lembra de mim

Amigos, “Lembra de Mim” foi composta em 1992, em Woodland Hills, L.A, Califórnia e faz parte de uma coletânea de canções feitas nesse período, que chamei de “Saudades do Rio”. Já que não aguentava mais aquela cidade sem esquinas, onde você perde 6 horas por dia dentro de um automóvel, se não mais. Muita saudade […]

Dinorah, Dinorah

Dinorah, Dinorah

Pois aqui vai “Dinorah, Dinorah”. A melodia foi composta primeiro, no final de 1976, num piano Gaveau, na casa de Dona Edith, minha ex-sogra, usando um gravador National de teclas. A velha guarda deve lembrar. Fazendo a melodia, sempre me vinha a frase “Ah, Dinorah, Dinorah”. Sempre achei esse nome sonoro e me fazia lembrar […]

Começar de novo

Começar de novo

Oi pessoal! Hoje vou contar a história de “Começar de Novo”. Ela foi uma canção de encomenda, quando em 1979, o diretor de séries da Rede Globo, o excelente Daniel Filho, através da direção da emissora, encomendou a mim e ao poeta e letrista Vitor Martins, uma canção para a abertura da série “Malu Mulher”. […]

Vitoriosa

Vitoriosa

Vitoriosa” começou a ser composta apenas a melodia, num vôo de Sampa para o Rio. Um começo de melodia começou a vir, peguei um papel qualquer, desenhei uma pauta e escrevi o pedaço que martelava na minha cabeça. Dia seguinte, na passagem de som de um show no Canecão, retomei o pedaço, me inspirei em […]

Vieste

Vieste

“Vieste” foi interpretada por Livia Itaborahy, no The Voice Brasil e teve uma repercussão maravilhosa. Você pode conferir a apresentação, clicando aqui. Foi feita, originalmente, para meu casamento com a Valeria, em novembro de 1986, numa fazenda no interior de São Paulo. Na verdade foram 2 músicas, “Vieste” e “Iluminados”. Claro que foi uma choradeira só, […]